VISITA DE ESTUDO À SERRA DA CABREIRA

No dia 13 de junho, os alunos do 10.º ano dos cursos científico-humanísticos de ciências e tecnologias e línguas e humanidades realizaram uma visita à Serra da Cabreira, através de uma caminhada enriquecida pela observação da paisagem natural e dos seus recursos.

Esta visita começou com uma palestra interativa, na Casa do Tempo, sobre a fauna e flora da Serra, levada a cabo pelo “Projeto Raízes” que, nos últimos anos, tem dado o seu precioso contributo para que os nossos alunos conheçam melhor a biodiversidade do município e aprendam a valorizá-la, nomeadamente desmistificando algumas ideias erradas acerca de perigos infundados associados a certas espécies que são, na verdade, uma mais-valia para a nossa terra.

Após a palestra, iniciou-se o percurso na Barragem do Oural, seguindo a Levada da Víbora, um exemplo de regadio tradicional coletivo, cuja água é derivada da ribeira de Busteliberne.

De seguida, passaram por Moinhos de Rei, onde tiveram oportunidade de observar os moinhos construídos no reinado de D. Dinis que, com os seus engenhos antigos, representam um marco na paisagem da Serra.

Entretanto, atravessou-se Busteliberne, uma pequena povoação que, fiel às suas origens, mantém casas de construção regional. Aqui, cruzaram-se com as gentes da aldeia, simples e acolhedoras.

No fim da caminhada, marcada pelas peripécias que esta proporcionou, desfrutaram do espaço envolvente da Casa da Veiga. Almoçaram tranquilamente à sombra das árvores e divertiram-se com os jogos disponibilizados pela associação “Encanto Radical”, tais como, tiro com arco, tiro de precisão e diversos jogos tradicionais, como tração à corda, equilíbrio e latas entre outros.

Assim, os objetivos da visita foram alcançados, ao permitir a descoberta da geodiversidade e biodiversidade do concelho, que outrora eram desconhecidas para muitos dos alunos, mas também a oportunidade de conviverem e desfrutarem da Natureza.